10 mandamentos para donos de cachorros

Stan Rawlinson é especialista em adestramento de cães e já escreveu centenas de artigos sobre comportamento e, entre as suas publicações, escreveu os “10 mandamentos para donos de cachorros” (original em inglês), um texto que resume de maneira muito clara os valores em que acreditamos e que queremos dividir com vocês. Por isso, traduzimos este texto que diz muito sobre o que os cães pensam sobre a vida e sobre seus donos.

Os 10 mandamentos para donos de cachorros

1º) Minha vida vai durar de 10 a 15 anos; qualquer separação entre a gente será extremamente dolorida para mim. Lembre-se disso antes de me adotar (ou comprar).

2º) Dê tempo para que eu entenda o que você quer de mim, não fique impaciente, mal-humorado ou irritado.

3º) Confie em mim que eu sempre irei confiar em você também. Respeito é uma conquista, não um direito adquirido;

4º) Não fique chateado comigo por muito tempo e nem me prenda como forma de castigo, pois eu não sou capaz de compreender os seus motivos. Eu só vou entender que fui rejeitado. Você tem o seu trabalho, seus amigos, seus passeios; mas eu só tenho você.

5º) Converse comigo de vez em quando. Eu não entendo as palavras, mas consigo interpretar a sua voz e o seu tom. É só olhar para o meu rabinho.

6º) Esteja ciente de como você me trata, eu nunca vou esquecê-lo. E se for cruel vai me afetar para sempre.

7º) Por favor, não me bata. Eu não posso bater, mas posso arranhar e morder e eu não quero fazer isso.

8º) Antes de me censurar por não estar colaborando ou sendo preguiçoso, pergunte-se se não há algo que possa estar me incomodando. Talvez eu não esteja sendo alimentado corretamente, tenha ficado muito tempo no sol ou esteja apenas velhinho e fraco. Mas pode ser que eu seja apenas um pouco preguiçoso.

9º) Cuide de mim quando eu estiver velho. Você também vai envelhecer e precisar de cuidados, atenção e carinho.

10º) Fique comigo nos momentos difíceis. Nunca diga “não aguento ver isso” ou “é melhor que eu não veja”, porque tudo fica mais fácil quando eu tenho você por perto. Lembre-se, independente do que você fizer, eu sempre vou te amar.

Stan Rawlinson, 1993.

_
Fotografia no topo: Nathan Mac

Gostou? Compartilhe com seus amigos!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *